Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Budismo, meditação e cultura de paz | Lama Padma Samten

Arriba!

Arriba!

Lama Padma Santen recebe título de Cidadão Viamonense

Lama Padma Santen recebe título de Cidadão Viamonense

No dia 2 de Agosto de 2012, mestre budista Lama Padma Samten recebeu o título de Cidadão Viamonense. Iniciativa foi do vereador petista Serginho Kumpfer

por Eduardo Escobar (fonte)

Um dos mais importantes e destacados lideres religiosos budistas do Brasil é o mais novo cidadão viamonense. Lama Padma Samten, nascido Alfredo Aveline, recebeu na noite da última quinta-feira (2 de Agosto, 2012), na Câmara Municipal de Viamão, o título de Cidadão Viamonense, em reconhecimento ao trabalho que realiza à frente do Centro de Estudos Budistas Bodisatva e do Instituto Caminho do Meio, ambos localizados na Estrada Caminho do Meio, em Viamão.

A iniciativa foi do vereador Serginho Kumpfer (PT) e foi aprovado por unanimidade pelos demais parlamentares do município. “É o segundo título de cidadão que encaminho em minha vida política e me sinto orgulhoso pela receptividade e pelo entendimento dos meus colegas, sobre a importância de conferirmos essa homenagem a uma pessoa magnífica que veio para Viamão com o objetivo de aprofundar o conhecimento e a divulgação das práticas budistas que sempre pregaram o amor entre os povos e a promoção do bem comum”, definiu Serginho ao justificar a iniciativa.

Com o plenário lotado de alunos e amigos, Lama Padma Samten agradeceu e homenagem, destacando o carinho que tem pela cidade que um dia já foi palco de uma revolução. “E como acontece em todas as revoluções, a busca de um mundo melhor é que norteia os seus agentes. Em Viamão não é diferente, e do ponto de vista histórico, essa cidade representa para mim a possibilidade de construirmos esse mundo melhor, através da perspectiva de controlarmos o universo mais próximo a nós, aquela célula que habitamos mais imediatamente”, disse Samten.

O Lama também destacou a receptividade da comunidade quando ele resolveu se estabelecer em Viamão e do orgulho de agora ser considerado um conterrâneo daqueles que aqui nasceram. “Vou fazer uso deste título com muito orgulho, já me sentia um viamonense, mas agora de uma forma bastante especial”, concluiu agradecendo a homenagem.

Lama Padma Samten

Físico, com bacharelado e mestrado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Alfredo Aveline foi professor de 1969 a 1994. Neste período, dedicou-se especialmente ao exame da física quântica, teoria na qual encontrou afinidade com o pensamento budista. No início dos anos 80, intensificou seu interesse pelo budismo e em 1996 foi ordenado lama pelo mestre tibetano Chagdud Tulku Rinpoche, título que significa líder, sacerdote e professor.

O mestre budista Lama Padma Samten tem auxiliado inúmeras pessoas em suas vidas e relações cotidianas, com ensinamentos que dialogam com as mais diversas áreas do conhecimento.

Em Viamão, onde atualmente reside, está situada a sede do Instituto Caminho do Meio e do Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), entidade que dirige. Seu trabalho está voltado à orientação das atividades de seus alunos, através do estudo, da prática de meditação, de retiros e, sobretudo, através do auxílio na compreensão da espiritualidade e da cultura de paz como caminho para que desenvolvam boas relações no ambiente onde vivem.

Além do contato muito próximo com a comunidade budista, nos diversos estados onde o CEBB está estabelecido, como Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, o Lama Padma Samten tem orientado profissionais e acadêmicos de diferentes áreas, que buscam aprofundar e qualificar suas teses, estudos e atuações profissionais, a partir de uma interface com a espiritualidade, de modo geral, e com o budismo, de modo específico. Ciência, psicologia, saúde, sociologia e educação são algumas das principais áreas em que este diálogo acontece.

Sua ação é também direcionada para vários setores organizacionais, sendo freqüentemente convidado a participar como palestrante, conferencista e consultor em ambientes empresariais, órgãos públicos, universidades e outros segmentos.

Os livros publicados pelo Lama Samten – A Jóia dos Desejos, Meditando a Vida, O Lama e o Economista, Relações & Conflitos e Mandala do Lótus – são referências de estudo para alunos e representam uma oportunidade aos leitores, conectados ou não ao budismo, de acesso a este conhecimento de vinte e seis séculos. Nestes textos encontram-se apresentações dos ensinamentos do Buda e orientações práticas para gerarmos maior estabilidade frente às circunstâncias e dificuldades de nossas vidas.

Sua experiência permite uma abordagem em que o budismo manifesta-se como auxílio precioso nas circunstâncias desafiadoras do presente, apresentado de uma forma bem prática. Quando profere palestras a empresários e executivos desejosos de uma mensagem de paz, o Lama mostra como os ensinamentos de Buda podem ser aplicados em atividades econômicas e no mercado de trabalho. No entanto, suas explanações parecem fundamentadas mais no bom senso do que propriamente na religião.