Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Budismo, meditação e cultura de paz | Lama Padma Samten

Arriba!

Arriba!

Memória: Inauguração da Sala de Meditação do CEBB Darmata

Memória: Inauguração da Sala de Meditação do CEBB Darmata

Baseado nos textos originais no blog da Revista Bodisatva, em 6 de Março e 12 de Abril de 2010.

A sala de meditação do CEBB Darmata, inaugurada no dia 4 de Abril de 2010, foi a primeira sala de meditação do CEBB construída fora do Caminho do Meio, em Viamão/RS. Assim estava escrita a descrição da sala no anúncio de inauguração:

Com capacidade para 150 pessoas, a sala tem uma grandiosa base de pedras rústicas, um largo terraço contornando todo seu perímetro, muitas janelas e as paredes são de tijolos artesanais. Apesar das grandes dimensões, 21 m de comprimento e 16 m de largura, a construção é completamente harmônica com o ambiente, pois foi feita com matéria-prima da região.

No altar, um Buda de cerâmica em tamanho humano, feito em Tracunhaém, cidade próxima à Timbaúba, espera os praticantes. Das janelas ou do terraço, para onde quer que olhemos, vemos paisagens muito lindas, compostas por mares de morros sempre verdes, com reservas de Mata Atlântica e um céu muito azul e limpo, como a natureza da nossa mente.

A inauguração aconteceu a partir de um retiro durante a semana de Páscoa (31 de Março a 4 de Abril) de 2010, em que Lama Samten conduziu ensinamentos sobre a vida do Buda – suas histórias e seus ensinamentos essenciais sobre felicidade e liberação – além, é claro, de longas práticas da meditação. O retiro culminou, no último dia, em uma grande festa regional, com forró e muita celebração!

Pouco tempo antes, no dia 1 de Março, entrou no Darmata a primeira turma a fazer retiro de três anos sob a orientação de Lama Samten: Henrique Lemes, de Porto Alegre, Claudia Almeida, do Rio de Janeiro, e Márcia Baja, de Curitiba.

Desde então, o CEBB Darmata tem recebido inúmeros retiros e eventos importantes (como a visita de S. S. Sakya Trizin), além de praticantes para retiros médios e longos, e a partir dele surgiram os CEBBs de Fortaleza, Natal, João Pessoa e Maceió, além de GEBBs em várias outras cidades.

Que muitos seres possam continuar se beneficiando da expansão do darma por todo o Brasil!

Veja aqui mais fotos do CEBB Darmata à época.